Fique ligado, vem aí capacitação fundiária para os municípios do Programa Rede Amazônia

Atualizado: Set 2


O Programa Morar, Conviver e Preservar a Amazônia (Rede Amazônia) abre inscrições, por meio da Chamada Nº 001/2921/CRF-UFPA/REDEAMAZÔNIA, para constituir uma turma de capacitação voltada para os servidores municipais de nível técnico/tecnológico e superior, preferencialmente do quadro efetivo do município, com início no segundo semestre de 2021. Serão 99 vagas disponíveis para as cidades que receberam glebas urbanas do Programa Terra Legal para serem regularizadas.

A partir de 4 de setembro, os anexos específicos desta Chamada 001/2921 estarão disponíveis no site https://www.projetoredeamazonia.com. Os participantes deste módulo básico debaterão conceitos e dúvidas frequentes sobre a regularização.

A equipe de professores para ministrar estes conteúdos será composta por Luly Fischer, Maria do Carmo Silva, Myrian Cardoso e José Júlio Lima, ligados à Comissão de Regularização Fundiária da Universidade Federal do Pará (CRF-UFPA), além da participação de Isabella Santos Correa, Cleilane Santos e Ana Carolina Miranda, integrantes da Residência Clínica Multidisciplinar do Instituto de Ciências Jurídicas da UFPA. A aula inaugural ocorrerá no dia 14 de setembro próximo. “Utilizaremos vídeos, aulas gravadas, debates e outras ferramentas que facilitarão o intercâmbio de informações sobre as temáticas fundiária e socioambiental”, explica Luly.

Por sua vez, Myrian Cardoso, coordenadora do Programa Rede Amazônia, informa que desde o dia 31 de agosto passado foi divulgado o flay básico sobre a capacitação municipal no site da Rede Amazônia. Na próxima sexta-feira, 3 de setembro, a partir das 16 horas, haverá a reunião com as coordenações do Grupos de Trabalhos Estaduais (GTE’s) da Rede Amazônia. Nesta atividade serão debatidos os próximos passos das outras capacitações, entre outros temas.

A coordenadora explica que a segunda turma de capacitação, com 99 participantes, envolverá os membros dos GTE’s e colaboradores com adesão definitiva à Rede Amazônia. O foco desta ação debaterá como fazer a regularização fundiária por meio de uma rede interinstitucional de intercâmbio de conhecimentos.

A terceira turma, segundo ela, também com 99 participantes, será voltada para os municípios que estão com projetos pilotos em execução e criaram, por força de decreto municipal, os Grupos de Trabalhos Municipais (GTM). Esta capacitação será focada no exercício do fazer a regularização com o suporte tecnológico. Fique ligado! Participe!


Texto e fotos: Kid Reis – Ascom CRF-UFPA - Arte:Luan Barradas


72 visualizações0 comentário